Discurso direto
Ondjaki
Ondjaki

Nasceu em Luanda em 1977. Interessa-se pela interpretação teatral e pela pintura (duas exposições individuais, em Angola e no Brasil). Já em Lisboa, fez teatro amador durante dois anos e um curso profissional de interpretação teatral. No ano 2000 recebeu uma menção honrosa no prémio António Jacinto (Angola) pelo livro de poesia actu sanguíneu. Participou em antologias internacionais (Brasil e Uruguai) e também numa antologia portuguesa. É membro da União dos Escritores Angolanos. É licenciado em Sociologia.

 

Bibliografia

  • Actu Sanguíneu (poesia, 2000)
  • Bom Dia Camaradas (romance, 2001)
  • Momentos de Aqui (contos, 2001)
  • O Assobiador (novela, 2002)
  • Há Prendisajens com o Xão (poesia, 2002)
  • Ynari: A Menina das Cinco Tranças (infantil, 2004)
  • Quantas Madrugadas Tem A Noite (romance, 2004)
  • E se Amanhã o Medo (contos, 2005)
  • Os da minha rua (contos, 2007)
  • Avó Dezanove e o segredo do soviético (romance, 2008)
  • O leão e o coelho saltitão (infantil, 2008)
  • Materiais para confecção de um espanador de tristezas (poesia, 2009)
  • Os vivos, o morto e o peixe-frito (ed. brasileira / teatro, 2009)
  • O voo do Golfinho (infantil, 2009)
  • dentro de mim faz Sul, seguido de Acto sanguíneo (poesia, 2010)
Visite aqui o site do autor

Deixe um Comentário

*